Institucional
Imprimir Partilhar

Dívida da autarquia à EDP

Assembleia Municipal aprovou contratação do empréstimo para liquidação antecipada da dívida
Foi aprovada a contratação do empréstimo para liquidação antecipada da dívida do município à EDP.
Com a aprovação por maioria absoluta dos membros da Assembleia Municipal para o Município de Espinho resolve-se um problema que se arrasta há mais de 30 anos.
A aprovação do empréstimo de cerca de 7 milhões de euros para a liquidação antecipada da dívida à EDP vai permitir a redução da dívida em 5 milhões. A dívida total à empresa de energia é atualmente de 12 milhões de euros.
A redução substancial da dívida do município de Espinho que era de 46 milhões de euros em 2012 é hoje de 25 milhões.
Esta operação resulta de uma negociação entre a Câmara Municipal de Espinho e a EDP Distribuição de Energia que permitiu chegar ao acordo de liquidação antecipada da dívida.
À margem do ENAEA-Encontro Nacional das Agências de Energia e Ambiente que decorre (4 dez.) no FACE-Fórum Arte Cultura Espinho, Pinto Moreira, presidente da Câmara Municipal de Espinho, reuniu com representantes do conselho de administração da EDP, onde foram abordados alguns assuntos de interesse do municipio e do processo de regularização da dívida.

Ler mais